Os 12 Lingotes…

(escrito a 24 de Fevereiro de 2008)

A greve acabou…Finalmente! A coisa acalmou e parece que já há acordo entre partes. Já não era sem tempo…
O lado bom na paragem das séries, é que me fez virar um cadito para os filmes. E decidi falar-vos de alguns que gostei especialmente…Há para todos os gostos, é po menino e pa menina!!!

Hot Fuzz
É uma comédia britânica sobre um polícia urbano que é transferido, contra a sua vontade, para uma zona rural. Rapidamente percebe que os seus metodos não são adequados e é obrigado a adaptar-se. Mal ele sabe que a gentinha do campo é pior que a mafia ucraniana (será que há mafia ucraniana?!). Uma comédia excelente, com um bocadito de acção para manter a coisa mexida. Com uma realização diferente, a lembrar Snatch. Perfeito para quem quer fugir ao tipico estilo americano.

The Nines
É muito dificil de descrever este filme. Ryan Reynolds (Van Wilder e Blade), interpreta três papéis diferentes. Três histórias que se entrelaçam entre si para um só objectivo e explicação (acreditem que não querem que eu diga qual o final, até porque de certeza não entenderiam). Mais uma vez é um filme diferente, que vos vai fazer puxar pelo miolo. Conta ainda com a irmã da Dakota Fanning (Elle Fanning) e Melissa McCarthy das Gilmore Girls. Vejam algo fora do normal, mas tenho a certeza que nem toda a gente vai gostar…

The Brave One
Vossa senhoria Jodie Foster não faz muitos filmes, mas quando faz…fa-lo bem! Erica Bain é uma mulher atormentada pela morte do noivo (Naveen Andrews, Sayid do Lost) após um assalto. Com necessidade de fazer justiça (mais do que vingança), vê-se confrontada com situações em que tem de esconder os medos e…apertar o gatilho. Pode parecer uma descrição ao estilo de um filme do Van Damme ou de Steven Seagal, mas é muito mais. Especialmente os seus monologos na radio são muito bons. O filme conta ainda com Terrence Howard como detective, que enquanto investiga estes homicidios “justos” é entervistado por Foster, sem saber que está mais perto do assassino do que esperava. Com grandes interpretações, é um filme que aconselho vivamente.

Eastern Promises
Viggo Mortensen já não é novidade quando se fala de grandes papéis, mas chega a chatear! Faz um filme mau pah!
Desta vez é um mafioso que para além de responder perante o seu “Padrinho” tem de proteger uma Naomi Watts que tenta averiguar um assassinio no seio daquela familia cheinha de boas intenções! Muito ao estilo de História de Violência, o personagem é parecido, e o passo do filme também. De salientar uma luta que Viggo protagoniza numa spa com dois mafiosos, em que ele está completamente nu (não é gay! Só estou a salientar a sua entrega à personagem!)

Good Luck Chuck
Pura comédia americana! Com um toquezinho de romantico…mas só um toquezinho, porque tudo o resto é gargalhada e pornografia. Charlie é um homem relativamente bem sucedido com as mulheres, e vai ficar ainda mais quando se confirma a sua “maldição”: todas as mulheres que dormem com ele, casam com o próximo homem que conhecem. Até aqui tudo bem, não fosse o facto de se apaixonar por uma menina chamada Jessica Alba, que está mortinha por lhe saltar pa cima. Como não a quer perder para o próximo, tenta a todo o custo resistir aquele pedaço de mau caminho.
Uma comédia como eu já não via a muito tempo…leve e muito engraçada. Tanto para uma noite a dois como para ver com uma carrada de gente!

The Secret
Por esta altura já toda a gente ouviu falar no livro, ou no documentario. Não o vou descrever porque é na curiosidade de saber do que se trata que está a piada. Eu aconselho toda a gente a ver ou a ler (o livro é practicamente a transcrição do documentario…). Vejam, pode mudar as vossas vidas!

The Invasion
Mistura-se uma Nicole Kidman que já não faz um filme há um tempo, com um novo 007…adiciona-se uma invasão de aliens…e voilá! Temos um filme sobre uma invasão alienigena que está decidida a acabar com as emoções humanas. A única coisa que a lindissima loira Nº5 tem de fazer é manter-se acordada enquanto tenta fugir da cidade com o seu filho, sem que os invasores percebam que ela não está “convertida”. Dito assim, até parece foleiro, mas não é mau de todo, vê-se bem…Para quem gosta de suspense e daquele tipo de filmes em que a personagem vê um quarto escuro e sente uma vontade enorme e inexplicável de ir ver o que se passa lá, para depois se assustar a ela, e a nós também!!

Elizabeth, The Golden Age
Já não ia ao cinema desde que o Vanilla Ice era o melhor rapper do mundo, mas quando vi o trailer deste filme quis muito ir ver no grande ecrã, e não me arrependi! Com uma senhora chamada Cate Blanchett a fazer um daqueles papeis (quase certa como vencedora do Oscar…), um Clive Owen a manter o seu nível de sempre e um conjunto de actores secundarios, cada um melhor que o outro. A história centra-se por volta dos anos 1500, na altura da tensão entre Inglaterra e Espanha sobre Protestantismo. Não é um epico de grandes proporções, mas é filme imperdivel! Só lamento ainda não ter tido a possibilidade de ver o filme anterior (com o simples nome “Elizabeth”), onde a actriz foi nomeada para o Óscar pelo mesmo papel em 1998 (venceu o Óscar em 2004 pelo Aviador).

The Heartbreak Kid
Quem viu mais do que uma comédia de Ben Stiller, já conhece o estilo de filme, e este não varia muito. Mas a verdade é que o formato resulta, e este é mais um filme com muita piada. Eddie é um sujeito que se casa com uma mulher lindissima que mal conhece. Quando está de lua-de-mel apercebe-se do grande erro que cometeu, e acaba por se apaixonar por outra mulher. A real confusão instala-se no hotel enquanto ele tenta manter as suas vidas separadas. O filme conta ainda com a participação especial de Eva Longoria.

The Kingdom
Apesar de contar com Jamie Foxx, este filme não tem nada de engraçado. O actor galardoado com um Óscar pôe de lado o seu lado mais humoresco e juntamente com Jennifer Garner, Chris Cooper e Jason Bateman, vão para a Arabia Saudita investigar um atentado suicida numa zona residencial americana. Entre uma investigação, os confrontos com as autoridades e com os terroristas, acção é o que não falta. Mas sem vender a violência ao desbarato. Tudo num tom muito sério, mostrando o terrorismo de uma maneira muito real. Para quem quiser ver as coisas um pouco para além do que aparece no noticiario da TVI…

Beowulf
Parece que a técnica de captura de movimento veio para ficar. Beowulf é o epico mais antigo escrito na lingua inglesa, e conta-nos a lenda de um guerreiro mercenario que tenta salvar um povoação dos monstros que a têm assombrado. Até que a ganância fala mais alto, que o leva a fazer, literalmente, um acordo com o diabo! Com vozes conhecidas, entre elas Anthony Hopkins, Ray Winstone (Beowulf) e claro, Angelina Jolie, que além de emprestar a voz, empresta as suas curvas. Com demónios assim…até eu fazia acordos! Um filme diferente em todos os aspectos. Para quem ainda pensa que os filmes de animação são pa meninos, acordem pa vida!! Beowulf é um filme sombrio, e não a sequela do “A Procura de Nemo”. Deixem-se de complexos e vejam o estilo dos filmes do futuro.

Sunshine
A maneira mais clara de descrever Sunshine é compara-lo a Alien…numa versão mais light. O Sol está a “apagar-se”, e a única hipotese para a humanidade é uma super-hiper-mega bomba que a nave Icarus II vai “empurrando” em direcção ao Sol, na esperança de reacender a chama. O plano corre mais ou menos bem, até que se deparam com a primeira nave que foi enviada para aquela missão à varios anos atrás a vaguear pelo espaço…Mas nem toda a vida a bordo morreu…Em termos de interpretações saliento Cillian Murphy (Batman Begins) no papel de Capa (lol!), que com aqueles olhos azuis, por vezes me mete um cagaço do raio!
Um filme que nos mostra que mesmo quando a missão é salvar a humanidade, ainda há lugar para os egoísmos pessoais. E que os nossos valores mais altos por vezes são ultrapassados pelos nossos pontos mais fracos.

Eu sei que este formato de descrição dos filmes não é o mais usual. Parece os resumos daqueles panfletos dos cinemas, mas são uma duzia deles, e queria ser curto e directo.
Podem escolher os que mais gostam, mas se puderem vejam todos, são todos muito diferentes!

Partilha o post do menino no...