Supernatural: 7×09 – How To Win Friends And Influence Monsters

[SPOILERS] Dean repara num pormenor persistente. Em 3 anos é a terceira vez que estão responsáveis por salvar o planeta…talvez o planeta queira mesmo cometer suicídio!

Obrigados a viver ao estilo Saddam, os irmãos e Bobby (Jim Beaver) têm-se escondido de tudo e todos, voltando ao tempo das cavernas e sem comodidades. Não se sabe quantos “bocas grandes” é que andam à espreita nem o quão perto estão, por isso mais vale prevenir.

Bobby: “You don’t shot Bambi jackass, you shoot Bambi’s Mother”

Mas isso não implica que não se possa trabalhar, então os três estarolas decidem investigar umas mortes num campo florestal. Cedo se percebe que algo se passa com Dean (Jensen Ackles), e que o problema está na carne que é servida no restaurante (já é o máximo normal, drogado é demais!). Os Leviathans estão a tentar transformar as pessoas em zombies relaxados, sem emoções, que não reagem nem se preocupam com nada, ou seja, fazer com que eles não sejam uma ameaça. Seres que ficam em frente à televisão a engordar…querem uma piada? Estão a transformar americanos em americanos.

Dean: “I think you pissed off my sandwich.”

No meio da vigilância lá se aborda mais uma vez a psicologia, em que cada irmão fala com o Dr. Bobby. Sam (Jared Padalecki) prefere voltar ao passado em que combate “o diabo que se conhece” e Dean  leva lavagem para deixar a depressão que o está a tornar num “maricas”!

Bobby (sobre Sam): “You always were one deep son of a bitch.”

Mas chega de conversa fiada e passemos ao maior “Dick” dos Leviathans. A estratégia parece passar mesmo pelo controlo e apoderarem-se do corpo de um dos homens mais influentes na América foi mais um bom passo. Este chefe é mais uma personagem bem criada que adoramos odiar. Adoro o facto de lhe terem chamado Dick.

Dean: “Now it’s all making sense. Remember when Crowley kept going on about hating Dick? I thought he was just being general.”

O “Padrinho” acaba por fazer o óbvio, menosprezar o inimigo e permitir a fuga dos irmãos (mal feita diga-se…Então o Bobby está com eles e no plano a seguir os irmãos tiveram tempo de ir buscar a carrinha e ele ainda está lá dentro?!). O episódio acaba com o que parece ser um headshot. Cheira-me que lá terão de andar os irmãos a arranjar maneira de remediar a situação, fazer uns acordos (ameaçar uns demónios das cruzilhadas? Crowley?) para ressuscitar Bobby novamente… isto é, se estiver mesmo morto! Mas aquela conversa entre Dean e Bobby não deixa adivinhar nada de bom:

Bobby (para Dean): “I’ve been to enough funerals. I mean it. You die before me, and I’ll kill ya.”

O Melhor: A regeneração da cara de Dick. O retorno à história principal. O título, numa referência ao best-seller de Dale Carnegie.
O Pior: Aquele som do pessoal a mastigar… deveras irritante!

Partilha o post do menino no...